IED | Istituto Europeo di Design
Você está em:

Mesa Redonda | Utensílios Nativos

11 de setembro de 2018

No dia 12 de setembro inaugura no IED Rio a exposição Utensílios Nativos que apresenta  o resultado do primeiro projeto nacional de replantio de três espécies de árvores nativas brasileiras, para o manejo sustentável – Guanandi, Louro Pardo e Jequitibá Rosa. Nove designers foram convidados para o desafio de transformar troncos dessas árvores em utensílios domésticos.  

Idealizada pela designer Natasha Schlobach, a mostra esteve no DW! Design Weekend em São Paulo e agora chega ao Rio de Janeiro como programação do IED para a Semana Design Rio.

Para  abertura da exposição o IED Rio promove a mesa redonda sobre o projeto com a participação de Natasha Schlobach, Pedro Braga, Ricardo Graham e Patrick Assumpção.

Os convidados conversam sobre o desafio do processo criativo de transformar madeira bruta em objeto, e sobre o potencial da agrofloresta na produção do design nacional a partir do manejo certificado.

Inscreva-se para a mesa redonda: https://iedr.io/mesa-redonda-utensilios-nativos

Conheça os designers participantes da exposição:


RICARDO GRAHAM

Designer por trás da marca oEbanista, as criações e produções de Ricardo Graham Ferreira são fruto de um constante processo de pesquisa, movido por um impulso criativo, onde a matéria prima – madeira maciça tropical – divide o protagonismo com técnicas de marcenaria tradicional como encaixes e acabamentos irretocáveis.

Madeira utilizada: Guanandi  

“Criar com a madeira para mim é uma forma de expressão. Um exercício para a liberdade, para criar, assim como escrever esta frase.”

 

HUGO FRANÇA
Madeira utilizada: Guanandi

“Não é de hoje que a madeira faz parte da vida de Hugo França. Muito acostumado a criar obras monumentais, na casa das toneladas, o ecodesigner traz para a exposição Utensílios Nativos a releitura do DNA escultórico do seu trabalho, convertido em escalas menores, resultando em uma miniatura de canoa e uma gamela cheia de curvas esculpidas em madeira Guanandi. “

 

JULIANA LLUSSÁ
Madeira utilizada: Jequitibá Rosa
“É grande a responsabilidade de trabalhar com uma matéria prima tão nobre.
Busco produzir peças duráveis em relação à forma de construção e também ao design.”

 

NATASHA SCHLOBACH
Idealizadora do projeto e curadora da exposição, Natasha Schlobach é designer em seu escritório, no qual elabora projetos múltiplos, em diversas áreas e formas de expressão.  De produtos autorais e produtos desenhados para a indústria moveleira, até projetos de interiores, residenciais e comerciais, artes plásticas e direção criativa em projetos importantes para a disseminação do design.

Madeira utilizada: Guanandi
“A madeira requer respeito, por toda sua natureza esta em constante mutação, e recria-la em uma nova forma/função é valorizar e até lapidar o que nos é dado pelo ambiente.”

PEDRO BRAGA
Com um trabalho autoral versátil, Pedro Braga desenvolve móveis e objetos para sua marca homônima em pequenas tiragens produtivas. O design emocional e provocativo é uma característica de seus produtos, na busca pela empatia entre o usuário e suas criações.

Madeira utilizada: Jequitibá Rosa
“O processo criativo partiu da forma no qual a matéria prima principal chegou. Uma sessão do tronco do Jequitiba Rosa, em sua pureza natural, com casca, com tudo, com vida.
Foi o gatilho para explorar a relação e diferença estética entre o cru e o beneficiado, a madeira bruta, quente, rugosa e o espelho, plano, frio e linear.”

 

GUSTAVO DIAS
Madeira utilizada: Guanandi e Louro Pardo
“Trabalhar com madeira é sempre uma troca de generosidades, quanto mais empenho é colocado, mais beleza é desenvolvida.“

 

SERGIO CABRAL
Madeira utilizada: Louro Pardo e Jequitibá Rosa

 

RODRIGO AMBROSIO
Madeira utilizada: Louro Pardo
“A madeira permite uma conexão primitivista e uma reflexão sobre a generosidade da vida.”

LEONARDO BUENO
Madeira utilizada: Louro Pardo


Roberta de Freitas
"As mãos no texto, o olho no design e o coração na trilha sonora." Formada em Jornalismo pela PUC-Rio, atuou no mercado da música e do audiovisual. Com extensão em Design Gráfico pelo IED Rio, assina agora os textos da sede carioca.

IED SÃO PAULO
Rua Maranhão, 617
Higienópolis
01240-001
+55 11 3660 8000

IED RIO
Av. João Luis Alves, 13
Urca
22291-090
+55 21 3683 3786

SÃO PAULO RIO DE JANEIRO MILANO ROMA TORINO VENEZIA FIRENZE CAGLIARI COMO BARCELONA MADRID.