Inovação e Design caminham lado a lado no mundo dos negócios. E quem sabe como mantê-los unidos está um passo à frente no mercado de trabalho!

Que tal entrar para esse time? Confira, a seguir, a relação entre essas duas áreas e como ela pode ser útil nos negócios.

Como anda a procura por inovação nas empresas?

As empresas buscam por inovação a todo momento. Isso porque inovar significa mudar a vida das pessoas.

E para melhor! Portanto, é importante construir uma imagem sólida em cima dessa proposta. É possível evoluir em três esferas diferentes. Veja só!

Produto

Ainda que uma empresa tenha um produto campeão, ao longo do tempo ela traz mudanças para ele. Seja na fabricação, na embalagem, nos ingredientes ou no uso de novas tecnologias que surgem com o tempo.

Serviço

Nesse caso, as organizações desenvolvem novas formas de trabalho. Não apenas para o processo interno, feito pelos funcionários. Mas também para como o cliente é atendido. 

Afinal, a experiência do cliente ou usuário está com tudo hoje em dia, não é mesmo?

Modelo de negócio

Por fim, vale também inovar no modelo de negócio. Ou seja, no caminho para agregar mais valor para a empresa. Pode ser uma segmentação de público, a adoção de novos canais de atendimento, entre outros.

A empresa, porém, não faz tudo isso sozinha. Ela precisa de profissionais engajados e que entendam do assunto e da própria cultura organizacional.

Por isso, a demanda de emprego na área é grande. E é aí que o Design entra em cena.

Como inovação e Design se relacionam?

Mas então, na prática, o que inovação e Design têm a ver? Que inovar pode significar inventar, você já sabe.

O Design é uma das áreas mais criativas que existem. Ele permite que novas ideias sejam executadas de maneira prática e atrativa.

Um produto pode ser prototipado e é o Design que permite isso, certo? Até que ele fique pronto e preparado para ir para a prateleira, o Design ainda precisa fazer vários ajustes nele.

Isso pode ser visto também na imagem de uma marca. Grandes empresas, mesmo aquelas com tradição de décadas, vez ou outra mudam seu logotipo. Ou mesmo a cara de seus produtos. E somente o Design permite isso.

As coleções de moda, nas passarelas, também passam pelas mãos de designers especializados. Assim, é possível que a moda se adapte a diferentes estações e públicos.

E as tendências se renovam com muita frequência, já percebeu? Desse modo, inovar para se adaptar a elas é recorrer ao Design.

Porém, não é preciso, necessariamente, tirar coelhos da cartola e surgir com algo novo, do zero.

A verdade é que inovação e Design caminham juntos na proposta de apresentar uma novidade para o cliente de uma empresa. Basta envolver estratégia ao processo.

Se algo surpreendê-lo, mudar a concepção dele sobre o negócio, deixá-lo com vontade de comprar mais, entre outras várias sensações, a missão foi cumprida com sucesso.

Um ótimo exemplo da união entre inovação e Design é o método chamado Design Thinking. Ele apresenta um super potencial de transformar os negócios. Quer ver só?

inovação e Design Thinkin

O que é Design Thinking?

O Design Thinking tem como objetivo compreender totalmente um processo, que pode ser entender o usuário de uma marca. 

O uso do método tende a orientar o desenvolvimento de novas soluções e estratégias que focam no bem-estar e na satisfação das pessoas.

Dessa maneira, o ponto de vista do designer transforma como as pessoas criam produtos, serviços e projetos. Tudo com base nas tecnologias e recursos disponíveis para viabilizar novidades.

É mais do que uma funcionalidade estética. É um conjunto de técnicas de experimentação e ideação. Incrível, não?

Como o Design Thinking funciona?

A visão proporcionada por essa técnica permite que você associe ideias a partir de experiências. O que é muito mais preciso, concorda?

Afinal, somente intuições e proposições soltas não confirmam nada, na prática.

No processo de Design Thinking, é possível conhecer de verdade a realidade do usuário. Várias etapas de aprendizagem são percorridas para que se chegue a uma conclusão.

Onde aplicar essa metodologia?

O Design Thinking pode ser aplicado na inovação de vários setores.

É possível captar as necessidades dos clientes para criar ou reformar softwares e aplicativos. Ou, ainda, integrar o universo online e offline de uma marca.

Também é possível pensar em formas que facilitem a aquisição de um serviço pela internet. Bem como propor novos materiais tecnológicos para a confecção de uma coleção de moda.

Inovação e Design estão em absolutamente todos os lugares, como você pode ver. E a tendência é que essa relação só se fortaleça mais e mais com o passar do tempo.

Afinal, a tecnologia avança com rapidez e é preciso adaptá-la ao uso de todo e qualquer usuário. A empresa que providencia isso com mais agilidade se posiciona com mais firmeza no mercado.

Como usar inovação e Design nos negócios?

Se inovação e Design são usados para melhorar a vida das pessoas, é preciso seguir alguns passos para alcançar resultados nos negócios. Aqui estão eles!

Empatia

Esse é o ponto de partida para a aplicação dos dois conceitos. É fundamental entender profundamente necessidades, desejos e motivações dos clientes.

Definição

A partir disso, será possível definir questionamentos que mostrem dificuldades, obstáculos e comportamentos do consumidor. E, assim, se chegará a um problema para resolver.

Ideação

Na fase de ideação, o Design começa a ser exercido na prática, para inovar. Pois é preciso trazer insights e propostas para solucionar a questão.

Prototipação

Agora, o Design é usado para prototipar essa solução. Pode ser um desenho, uma demonstração, um modelo físico ou qualquer possibilidade que possibilite um feedback sobre a ideia.

Testes

Por último, será preciso realizar testes para entregar a solução ao usuário. O Design faz os últimos ajustes na proposta de inovação e aperfeiçoa o resultado.

Apesar de tantas etapas, inovar com Design nem sempre é algo demorado. O tempo de execução de um projeto varia conforme análise e resultados. Mas, de qualquer forma, é um trabalho muito da hora, e que traz mil e uma vantagens para a vida das pessoas.

E aí, conseguiu entender como inovação e Design se relacionam? Se você gostou do que viu por aqui, que tal começar a pensar em se especializar na área?

Conheça nosso curso de pós-graduação em Design Estratégico e Inovação e aprimore seu currículo! A gente espera por você.