Quanto ganha um designer gráfico? Essa é a pergunta que não quer calar!

Afinal, a carreira em Design Gráfico é uma das mais requisitadas dentro do universo do Design.

E fique sabendo que as opções de atuação profissional são bem variadas.

Vamos falar primeiro sobre esses caminhos possíveis. Depois, a gente traz as estimativas de quanto ganha um designer gráfico.

Confira!

8 oportunidades de carreira para os designers gráficos

Veja quais são algumas das principais possibilidades de atuação profissional na área:

1. Design Gráfico

Tudo o que se refere ao visual de materiais de comunicação passa pelo olhar do designer gráfico.

É ele quem garante que os projetos visuais sigam as intenções do cliente e estejam alinhadas com a identidade das marcas.

2. Design Editorial

Os profissionais que trabalham com design editorial lidam com materiais com elementos textuais, como livros, jornais, revistas, folhetos, entre outros.

Para isso, precisam pensar na distribuição do texto, estilo de diagramação, uso de cores e fontes. Tudo isso para que a leitura seja agradável.

3. Identidade Visual

Há ainda os designers focados em projetos que tenham a cara de empresas, marcas, produtos ou campanhas.

Mais do que produzir materiais bonitos, eles precisam garantir que o projeto passe, em todos os mínimos detalhes, a mensagem certa.

4. Animação

Por trás dos desenhos e animações, existe um designer gráfico. É ele quem cria, edita e anima cenários e personagens.

Tem se tornado um trabalho cada vez mais comum, já que a produção de vídeos para os meios digitais é enorme nos dias de hoje.

5. Direção de Arte

O diretor de arte é como se fosse um gerente de projetos visuais, como filmes, comerciais, sessões de foto, entre outros.

Estando à frente de tudo, garante que os materiais produzidos não fujam da proposta principal do cliente. Precisa coordenar outros profissionais para que todos trabalhem em busca de um mesmo objetivo.

6. Design de Embalagens

As embalagens dos produtos que consumimos são todas produzidas pelos designers. E não basta elas serem bonitas.

O designer precisa pensar em jeitos atrativos de passar a informação sobre o produto, chamar a atenção das pessoas e melhorar a experiência de compra dos clientes.

7. Web Design

Além de ser uma das áreas mais conhecidas, é também uma das que mais demandam profissionais.

Os web designers desenvolvem o visual de sites, conteúdos de redes sociais, interface para produtos digitais, entre outros.

8. UX Design

Já o UX Designer é quem pensa na experiência do usuário com produtos digitais, como sites, aplicativos e programas de computador.

Por isso, ele precisa levar em conta não só a parte visual, mas também a funcionalidade e a utilidade dos elementos usados na interação do usuário com um produto.

Descubra de uma vez por todas quanto ganha um designer gráfico

Estimar quanto ganha um designer gráfico é uma tarefa complicada. Isso porque a remuneração varia muito de acordo com fatores, como:

  • nível de qualificação;
  • localidade;
  • experiência profissional;
  • tipo de cliente;
  • tamanho dos projetos.

Além disso, os profissionais da área podem seguir caminhos diferentes: ter um emprego formal em uma empresa ou trabalhar como freelancer. Ou em ambas as funções!

Designer que trabalha em organizações

Assim como em outras áreas, os designers encontram vagas de emprego no mercado de trabalho com salários bem variados.

Empresas como editoras e veículos de imprensa costumam oferecer remunerações atrativas, entre R$ 5 mil e R$ 6 mil, dependendo do nível de experiência.

Muitos designers sonham em trabalhar em agências e grandes estúdios, lugares que oferecem ótimas oportunidades de evolução profissional e salários altos.

No cargo de diretor de criação, por exemplo, um designer pode ganhar mais de R$ 20 mil por mês.

Além dessas empresas mais focadas na área, existem uma infinidade de organizações públicas e privadas que precisam de designers.

Geralmente quem oferece os melhores salários são as grandes empresas, que têm uma verba maior para remunerar os colaboradores.

Designer que trabalha de forma independente/freelancer

Você já deve ter ouvido falar que muitos designers gráficos resolvem ser autônomos, ou seja, trabalham de forma independente.

São popularmente conhecidos como “freelas”.

É um caminho procurado por quem curte ter uma rotina flexível e liberdade para estar onde e quando quiser.

Afinal, com um computador e acesso à internet, é possível trabalhar de qualquer lugar do mundo. E para clientes de todos os cantos do planeta.

O problema é que, nesse caso, fica ainda mais difícil estimar quanto ganha um designer gráfico.

Isso porque os ganhos mensais variam de acordo com os perfis de cliente, tamanho dos projetos e do quanto cada profissional trabalha.

Quais são as áreas que pagam os melhores salários para o designer gráfico?

As áreas que costumam oferecer as melhores remunerações são aquelas onde a demanda por profissionais é mais alta.

Um bom exemplo disso é a área de UX Design, que está intimamente ligada aos produtos digitais. O salário médio oferecido aos UX designers é de R$ 5.200.

Como a preocupação com a experiência dos clientes é cada vez maior, mesmo os profissionais em começo de carreira conseguem ser bem remunerados.

A área de animação também tem oferecido salários atrativos por conta do aumento da demanda por materiais em formato de vídeo.

Mas isso não se restringe a essas áreas.

Quanto maior é o orçamento das empresas e os investimentos feitos em comunicação e marketing, por exemplo, maiores são os valores pagos aos designers.

Por que é importante investir em qualificação profissional para se destacar na carreira?

A graduação é o primeiro grande passo na carreira de um designer. Se você quer se dar bem no mercado, não dá para fugir da qualificação profissional.

É na faculdade que você vai ganhar os conhecimentos mais importantes e desenvolver as habilidades exigidas para ser um bom designer.

Isso sem falar que você estará aprendendo com os melhores profissionais da área e trocando experiências enriquecedoras com os colegas.

Ainda, as empresas valorizam os designers mais capacitados.

Nesse sentido, ter uma graduação no currículo faz toda a diferença, inclusive para conseguir bons salários.

Tirou suas dúvidas sobre o quanto ganha um designer gráfico?

Descobrir quanto ganha um designer gráfico é uma curiosidade de todos os futuros profissionais da área.

Mas, seja qual for o caminho que você escolher, investir nos estudos é a melhor forma de sair na frente, conseguir boas oportunidades e se dar bem.

Quer tirar todas as suas outras dúvidas sobre a carreira? Confira o raio-x do Design Gráfico e Digital!