A graduação é muito mais do que um diploma. É uma etapa capaz de transformar para sempre o seu futuro.

E você sabe por quê?

Continue lendo para entender como a graduação pode mudar sua vida e ficar por dentro do que é preciso considerar na hora de escolher o curso.

Bora lá?

8 principais impactos da graduação na sua vida

1. Ganho de conhecimento

Quanto maior for o conhecimento acumulado, mais longe você vai chegar. E nada melhor do que um curso de ensino superior para fornecer os aprendizados necessários.

Isso porque a graduação vai proporcionar experiências dentro e fora de sala de aula, que serão fundamentais para a sua qualificação.

Além disso, a dedicação aos estudos para acompanhar as aulas, se preparar para as provas e escrever trabalhos também colabora para a geração de conhecimento.

2. Ser o profissional que o mercado procura

O mercado de trabalho está cada vez mais exigente. Seja qual for a área de atuação, as empresas esperam que os candidatos sejam qualificados.

Diante da pandemia, os profissionais se deram conta do quanto a graduação faz toda a diferença na hora de garantir seus empregos.

Afinal, quem vai ocupar as principais vagas?

Certamente, os mais preparados para assumir as funções, que são aqueles que têm uma graduação no currículo.

3. Sair na frente dos concorrentes

Ao se candidatar a um trabalho, você vai estar disputando uma vaga com vários profissionais.

Portanto, uma das suas preocupações deve ser a seguinte: como se diferenciar dos concorrentes, sobretudo em épocas de crise?

É claro que as características que fazem parte do seu perfil devem ser levadas em conta, mas o peso do diploma é inegável. 

Se você estudou numa instituição com renome internacional, o peso é ainda maior.

4. Amadurecimento

Logo que você começar a faculdade vai se dar conta de que o ambiente universitário é bem diferente da escola.

Ninguém fica cobrando os estudantes ou controlando o que fazem ou deixam de fazer. 

Mas é preciso ter responsabilidade para lidar com essa autonomia.

Por isso, para muita gente, o período da graduação vem acompanhado de um processo intenso de amadurecimento, importante para vários aspectos da vida pessoal e profissional.

Graduação - ganhos5. Cria as bases para a construção da carreira

O curso de graduação é o seu primeiro contato com a profissão escolhida. Toda a grade curricular é pensada para atender às necessidades de cada carreira.

Isso significa que você vai ganhar conhecimentos específicos para o seu desenvolvimento profissional.

Além disso, a faculdade costuma proporcionar experiências práticas para os estudantes se prepararem para os desafios do mercado.

6. Aumenta as chances de crescer na profissão

Todo mundo quer se sentir realizado fazendo o que gosta, não é mesmo? 

Mais ainda, as pessoas querem evoluir, conquistar empregos cada vez melhores e posições mais desafiadoras.

Sem uma graduação, fica difícil crescer na carreira.

Inclusive, vale dizer que ela não é uma linha de chegada na sua formação. Em alguns anos, o diploma de graduação vai ser um requisito para você continuar seus estudos e voar mais alto.

7. Fortalece o networking

Você vai conhecer muita gente na faculdade e fazer novas amizades. E essas pessoas podem ser ótimos contatos para a sua carreira, sabia?

Isso porque elas vão ser seus futuros colegas de profissão.

A partir dessa rede de contatos, você pode conseguir boas oportunidades, como indicações para vagas de emprego. Isso sem falar na troca de experiências e aprendizados.

8. Abre caminhos interessantes

No começo da graduação, você pode até ter uma ideia do que deseja fazer profissionalmente.

Porém, os caminhos começam a se abrir durante o curso.

Ao ter um contato mais próximo com as possibilidades da área, fica mais fácil avaliar as opções de carreira. E quem sabe você não descobre um caminho inesperado?

Como escolher o curso superior?

Investigue os seus interesses

Para ser um profissional do futuro de sucesso, não basta apenas se qualificar. Você precisa ter paixão pelo que faz!

Dessa forma, o primeiro passo é fazer uma reflexão profunda sobre os seus interesses. Eles vão servir de guia na hora de escolher o curso ideal.

No mínimo, ajudam você a eliminar as possibilidades que não têm nada a ver com o seu perfil.

Leve em conta suas habilidades

Quais são suas principais qualidades? Que tipo de tarefas você tem mais dificuldade em executar? O que você mais detesta fazer?

Esses são alguns exemplos de perguntas que você deve fazer a si mesmo para identificar suas maiores habilidades.

Geralmente, elas costumam estar ligadas aos interesses pessoais. Juntas, facilitam a escolha da graduação mais adequada.

Liste suas prioridades de vida

Cuidado para não se deixar levar pela pressão social e acabar escolhendo uma profissão pelos motivos errados.

Jamais escolha um curso pensando no prestígio, em salários ou no que esperam de você.

Afinal, é feliz na profissão aqueles que trabalham com as coisas que realmente valorizam na vida.

Pesquise sobre os cursos

Faça uma boa pesquisa sobre as opções de cursos disponíveis e que tenham a ver com você.

É possível encontrar na internet bastante informação sobre as diferentes graduações. Conversar com outras pessoas também é uma maneira de se inteirar melhor.

Outro ponto importante é conferir a grade curricular para conhecer as disciplinas de cada semestre.

Avalie as instituições de ensino

Fique sabendo que a escolha da instituição de ensino também deve ser feita com cuidado.

Veja se a faculdade é reconhecida no mercado, se oferece a estrutura necessária para a sua formação, se o corpo docente é qualificado e quais vantagens oferece para os alunos.

Procure trocar uma ideia com quem já estudou na instituição para saber como foi a experiência.

Pronto para entrar no ensino superior?

Agora que você sabe como a graduação pode mudar a sua vida, a vontade de começar logo a faculdade só deve ter aumentado, não é?

Coloque as dicas que foram apresentadas aqui em prática e escolha o curso certo para você!

Se tiver curtido o post, assine a newsletter do IED! Assim, você recebe por e-mail as melhores dicas sobre a vida universitária e o mercado de trabalho.