IED | Istituto Europeo di Design
Você está em:
A EXPERIêNCIA INTERNACIONAL DO LUCAS GINI NO IED MADRI

A experiência internacional do Lucas Gini no IED MADRI

 

“A estrutura dos IEDs de Madrid (tive aula em um, mas fui em dois dos três) é muito legal, e o clima lembra o daqui, de ser uma escola bem focada em design e tudo mais.
A grade do curso foi muito bem dividida com assuntos diferentes, saídas pela cidade, aulas com materiais bastante variados, e diversos professores, sendo todos ilustradores autônomos, o que além de nos proporcionar ótimas aulas, nos trouxe um feedback qualificado e networking muito interessante e importante.
A sala era pequena, com apenas 5 pessoas contando comigo, mais duas brasileiras, estudantes da ESPM, uma colombiana e uma libanesa, mas isso também foi bastante proveitoso porque conhecemos melhor o trabalho uns dos outros, e as aulas rendem bem.

O curso foi realmente incrível, superou minhas expectativas!

Difícil até contar o quanto foi positiva a experiência, de verdade.
Só tenho a agradecer pela força do IED SP pra isso tudo rolar.”

 

Confira o Diário de Bordo do designer no IED Madri:

 

Primeiro dia: Foi basicamente pra todos se conhecerem, e iniciar exercícios de desenho, com observação e desenho de colegas (atividades com diferentes limitações e intenções – desenhar sem olhar pro papel, sem tirar o lápis do papel, somente com linhas retas, etc); e ainda uma parte da aula inspiracional, com dicas para se despreocupar, soltar a mão, etc; o professor foi o coordenador do curso e ilustrador Puño.

Segundo dia: fomos para um parque aproveitar vários dos monumentos e espaços de lá para desenho de observação; ainda com o professor Puño.

Terceiro dia: um “safari” pela cidade, também com desenho de observação, e com a intenção de encontrar uma lista de temas pelos locais da cidade por onde passamos (por exemplo: “desenhar um herói” – podendo usar metáforas livremente); ainda com o professor Puño.

Quarto dia: Vimos uma série de livros infantis com ampliação de repertório de estilos e artistas de referência, na Espanha e no mundo; alguns exercícios de desenho semelhantes aos do primeiro dia; depois experimentação com diversos materiais (nankin, tinta de caneta tinteiro, pincéis chatos e redondos, lápis de cor, marcadores, giz pastel seco e oleoso, e até cândida em alguns tipos de papéis), um catálogo de texturas criadas (seleção entre as favoritas das experimentações) e por fim uma ilustração usando várias texturas do catálogo e colagem de papéis diferentes; a professora foi a ilustradora Ana Pez.

Quinto dia: dia fizemos mais experimentação com materiais, focados no uso de guache, com diferentes pincéis, texturas, e como base para uso de outros materiais em camadas; depois uma ilustração usando desenho de observação das linhas das nossas mãos como base para criar uma paisagem ou algo do tipo; ainda com a professora Ana Pez.

 

“Minhas impressões foram MUITO positivas.

Minha turma tem duas brasileiras, uma colombiana e uma libanesa, e é legal que a turma seja pequena porque em pouco tempo nos sentimos à vontade uns com os outros.

Os dois professores da semana passada foram incríveis, tanto em conhecimento técnico quanto em explicação de conceitos, ideias para atividades, e além de tudo ambos são ilustradores freelancer de um nível muito alto.

Tive a oportunidade também de perguntar um pouco sobre o mercado, o que fazer, etc, e a impressão é que o mercado espanhol é bem similar ao brasileiro, embora haja mais incentivo à arte.

O IED forneceu todos os materiais artísticos para uso nas aulas, ótimos, por sinal.”

 

be.net/gini

instagram.com/gini.lucas

lucasgini.com

Rua Maranhão, 617
Higienópolis
01240-001
+55 11 3660 8000

SÃO PAULO RIO DE JANEIRO MILANO ROMA TORINO VENEZIA FIRENZE CAGLIARI COMO BARCELONA MADRID