IED | Istituto Europeo di Design
Você está em:

O Novo One Year em ‘Design Editorial: Novas Narrativas do Impresso ao Digital’ do IED São Paulo

21 de julho de 2017

A partir  de agosto deste ano o IED São Paulo passa a ter na sua grade de cursos o One Year em Design Editorial: Novas Narrativas do Impresso ao Digital. Para entender melhor a imersão no mercado editorial proposta pelo curso, conversamos sobre mercado, inspirações e aplicações de trabalho com Fabio Silveira, coordenador do curso. Confira:

 

 

IED – Resumidamente, o que é o Design de Editorial?
Fabio Silveira – O Design Editorial é o recorte do design gráfico que lida com a organização da informação em meios impressos e digitais. Diversas questões aparecem a medida que temos que lidar com uma grande volume de conteúdo, apresentado geralmente de forma sequencial. Hierarquia da informação, ‘leiturabilidade’, legibilidade, estrutura das informações [imagens e textos], integração da imagem com a tipografia, infografia de dados, direção de arte de uma publicação e por aí vai. Tudo isso para que seja possível transmitir a mensagem clara para o leitor.

IED – E quando se trata de profissionais elegíveis para o curso – quais áreas podem cursar essa especialização?
Fabio Silveira – Todos os profissionais que querem trabalhar com conteúdo e que precisam organizá-lo de alguma forma são elegíveis para o curso. Designers, jornalistas, editores de conteúdo, publicitários, profissionais formados em letras, produtores gráficos, profissionais da área das mídias digitais… Enfim, todos os profissionais que querem ampliar a visão e os conhecimentos nos campos da edição de conteúdo, visualização das informações e exploração de linguagens.

IED – Pode citar 3 profissionais que são exemplo na área, para inspirar quem está começando?
Fabio Silveira – Existem muitos bons profissionais neste campo editorial. Capistas de livros [que desenvolvem capas das publicações], ilustradores, infografistas, fotógrafos, designers… a lista é imensa. 🙂

Mas creio que seja interessante citar o diretor de arte italiano Franchesco Franchi que hoje é responsável pela parte criativa e pela infografia da revista IL — Intelligence Lifestyle. Os layouts desta revista são muito elegantes e com um uso primoroso da tipografia. A direção da fotografia é bárbara. Mas o ponto alto são os infográficos que possuem bastante complexidade e clareza de soluções. Vale conferir:

 

 

Outro profissional da área editorial que vale é o argentino Jaime Serra. Durante muitos anos foi responsável pelo crescimento da infografia no jornal Clarín, da Argentina. Diversas vezes vencedor do Malofiej (Infographic World Summit), a maior premiação de infografia no mundo, Sierra foi apontado como o infografista mais influente dos últimos 20 anos pelo juri desta premiação. Seus trabalhos envolvem muita criatividade, olhar crítico, e técnica apurada. Dá para conferir aqui:

 

 

Por fim creio que uma referência de grande peso na atualidade é o inglês Mark Porter. Existe uma grande lista de feitos importantes deste designer inglês (diretor criativo da versão inglesa da revista Wired, diretor de arte da Colors), mas um projeto de peso foi o redesenho do jornal The Guardian, da Inglaterra. Este projeto foi eleito pela SND (Society for News Design), como um dos melhores redesenhos de jornais já feito. Mark é um exemplo importante pois com o conhecimento da área editorial desenvolve redesenhos editoriais (é claro!) mas também mudanças de identidade visual usando os princípios do conhecimento editorial, como aconteceu no canal de notícias RTL Nieuws, da Holanda. Veja mais aqui:

 

 

IED – Qual o maior empecilho para o profissional que queira migrar para essa área? E qual a maior vantagem?
Fabio Silveira – Creio que o empecilho seja o mesmo de diversas áreas da atualidade: a grande velocidade de mudança em um mercado que passa por profundas transformações. Exige-se do profissional muita agilidade e conhecimento para propor novos caminhos e soluções criativas para inovar no mercado.
Sem dúvida nenhuma, a maior expertise do profissional da área de design editorial é o seu conhecimento em edição. Saber destacar o que é relevante em uma informação que precisa ser trabalhada. Isso destaca muito o profissional em diversas áreas por ter este olhar de organização de informações complexas. Característica tão necessária nos tempos de hoje.

IED – O IED tem casos até de advogados que largaram o direito para mergulhar no universo do Design. Então, retomando: todos podem ser designers?
Fabio Silveira – Creio que o design, como área de atuação e sendo um catalizador de diversos conhecimentos, pode agrupar profissionais de diversas áreas profissionais. A maior contribuição do design é dar uma nova forma de ver e pensar um problema complexo e se temos pessoas com background, vivências diferentes podemos ter contribuições valiosas em busca do desenvolvimento de projetos de design que atendam um maior número de pessoas.

IED – Em quais frentes o profissional formado no One Year em Design Editorial poderá trabalhar?
Fabio Silveira – Este mercado é muito abrangente no campo do design, pois todo o segmento que lida com conteúdo pode ter um designer editorial inserido em seu meio. Portanto edição de conteúdo (design content), editoras (revista, jornal, livros), publicações para a área de educação (didáticos), agências, revistas customizadas, gráficas, auto publicação, publisher…. São inúmeros os caminhos possíveis.

IED – Qual o maior diferencial / vantagem na mudança do curso para o formato One Year?
Fabio Silveira – Creio que o novo formato do curso de One Year em Design Editorial, possibilita maior agilidade no contato com conhecimento da área. Aqui o aluno vai aprender o essencial de cada conteúdo do curso e ter a chance de experimentar propostas de linguagens visuais para aprimorar seus skills para o mercado. Outra vantagem que vejo é a experiência do módulo internacional em que teremos contato com profissionais espanhóis (o módulo do curso One Year será em Madrid) que tem uma grande tradição na área editorial e tipográfica.

 

Quer conhecer mais detalhes do One Year em Design Editorial: Novas Narrativas do Impresso ao Digital? Acesse http://iedm.io/design-editorial ou agende um bate-papo com o Fabio aqui na sede do IED São Paulo. 😉


Camilla Carvalho
É jornalista e especialista em redes sociais. Trabalha como produtora de conteúdo, é content hunter do IED São Paulo e fundadora do www.mademoiselleparis.com.br. Instagram: @mademoiselleparis

IED SÃO PAULO
Rua Maranhão, 617
Higienópolis
01240-001
+55 11 3660 8000

IED RIO
Av. João Luis Alves, 13
Urca
22291-090
+55 21 3683 3786

SÃO PAULO RIO DE JANEIRO MILANO ROMA TORINO VENEZIA FIRENZE CAGLIARI COMO BARCELONA MADRID